Saco de besteiras (ou Jean Todt, o fantoche)

O dia 8 de setembro de 2010 será lembrado como o dia em que todas as esperanças de que ainda existia ética, esportividade, e respeito com os torcedores na Fórmula 1 foram por terra.

O Conselho Mundial de Esporte a Motor da FIA acaba de anunciar sua decisão de não punir a Ferrari pela palhaçada de Hockenheim, e mais: a regra sobre jogo de equipe será revista, num claro sinal de que a máfia de Maranello terá legitimadas as suas falcatruas.

Isso tudo prova o que eu venho dizendo desde a eleição do Sr Jean Todt para a presidência da FIA; que a Fórmula 1 vai ser refém de Maranello, a Federação fará tudo o que for possível para que essa escória do esporte a motor chamada Ferrari seja beneficiada em tudo. Não se surpreendam caso a FIA volte atrás na mudança da regra, anunciada para 2013, que prevê o uso de motores turbo e efeito-solo (confira o post anterior); a Ferrari já se posicionou contra, alegando que não há tempo hábil para o desenvolvimento dos motores a partir do zero (ou seria medo de voltar ao limbo em que a corja se afundou durante toda a era turbo, nos 80?).

Ele fica bem à vontade com essa roupa…

Além disso, a FIA anunciou, também, o calendário para a temporada de 2011. As novidades ficam por conta da inclusão do GP da Índia, e a volta do GP do Brasil como o palco do encerramento da temporada

Sobre a 13ª vaga, a entidade não escolheu nenhuma das postulantes, mantendo o campeonato com as mesmas 12 equipes desse ano (isso se nenhuma delas quebrar antes). O argumento é de que nenhuma delas (incluindo a excepcional estrutura da Epsilon Euskadi) corresponderia às exigências de estrutura e capacidade competitiva para entrar na categoria (ah, sim, claro, a Hispânia e a Virgin devem atender, não é “seu” Jean Todt?). Não me surpreenderia se aparecessem evidências de que certo grupo mafioso italiano tenha feito lobby contra a novata…

Realmente, a Hispânia tem uma estrutura campeã…

Enfim, essas são as notícias de hoje. Desculpem-me se elas causam indignação, repulsa e ânsia de vômito nos amigos leitores…

Eu realmente gostaria de vir aqui para dar boas notícias, mas levando-se em consideração a atual conjuntura da Fórmula 1, isso é quase impossível, e quando acontece, aceitem meu conselho: fiquem “com o pé atrás”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s