Hungria 2011 – Corrida

Jenson Button. Esse é o nome do novo rei da chuva. Em mais uma corrida molhada, o campeão de 2009 foi brilhante, e com uma estratégia inteligente e muita consistência, venceu sua segunda corrida no ano. Sebastian Vettel, que fez uma corrida mais pensando no campeonato do que na vitória em si, chegou em segundo, e Fernando Alonso, apesar dos erros cometidos, em terceiro.

Jenson Button vence sua segunda corrida no ano

A largada foi com pista molhada, e Vettel se manteve na ponta, com Hamilton muito próximo a ele.  Webber e Massa, que largaram do lado sujo, perderam posições para Fernando Alonso, Nico Rosberg e Michael Schumacher, que chegou a passar Alonso também. Mas logo depois Alonso retoma a posição perdida para Schumacher e Massa também recupera uma posição.

Largada do GP da Hungria

Enquanto isso, na frente, Hamilton passa Vettel na volta 5, e abria uma boa vantagem. Voltando ao pelotão logo atrás, Fernando Alonso fazia uma corrida muito instável, escapando algumas vezes, chegando a perder a posição para Felipe Massa, mas logo depois recuperou. O Brasileiro, na tentativa de acompanhar seu companheiro de equipe, acabou escapando, bateu, quebrou parte da asa traseira, e perdeu várias posições.

A pista começava a secar, e Massa e Webber foram os primeiros a arriscar a colocar pneus slick, e conseguiram recuperar algumas posições. Button chegou ao segundo lugar, e com a pista secando, a McLaren seguiu nas duas primeiras posições, com Hamilton abrindo vantagem, na ponta.

Com tudo um pouco mais calmo, a corrida seguia sem sobressaltos até que Nick Heidfeld para nos boxes para seu segundo pit stop, e na saída seu carro pega fogo. Ele para na faixa de saída do pit e consegue sair do carro sem problemas, enquanto o incêndio é apagado e o carro tirado da pista. Interessante notar que a direção de prova não acionou o carro de segurança.

O carro de Heidfeld pegou fogo após sair dos boxes

Então foi a vez das equipes grandes tornarem a chamar seus pilotos aos boxes. Os pilotos da Red Bull e Jenson Button colocam os pneus macios, enquanto Hamilton e Alonso vão de supermacios. Button começa a tirar a diferença, até que a chuva volta a cair e na 47ª volta, Hamilton rodou e perdeu a liderança. Na tentativa de voltar rapidamente, ele faz uma manobra arriscada e joga Paul Di Resta para a grama.  A pista continuava molhada, mas ninguém parou para trocar pneus, e Button roda na curva 3, perdendo a liderança para Hamilton, mas deu o troco na reta principal, e logo depois Hamilton retomou a posição, numa bela disputa entre os dois pilotos da McLaren.

Hamilton e Button disputando posição

Então Hamilton entra nos boxes para colocar os intermediários, o que se revelou um grande erro, já que quatro voltas depois teve que parar de novo para colocar os slicks, já que a pista secava novamente. E na volta seguinte teve que parar de novo, por conta de um drive through, por causa da confusão com Di Resta. Bom para Button, que ficou tranqüilo na liderança.

No fim das contas, Vettel manteve a segunda posição, com Alonso em terceiro, Hamilton acabou num frustrante quarto lugar, Webber em quinto e Massa, que conseguiu uma boa recuperação, em sexto. Rubens Barrichello, com sua problemática Williams, chegou em 13º.

Mais uma ótima atuação de Button, que chega à sua quarta vitória na McLaren, todas sob chuva, num fim de semana em que foi muito bem na pista, mas teve muita dor de cabeça fora dela, com seu site oficial sendo alvo de ataque de hackers.

E a Red Bull que abra o olho, porque a McLaren e a Ferrari não vão se entregar…

O novo rei da chuva

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s